quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Não é medo que me sufoca, como de tempos escuros?
E essa bactéria feros, levará minha alegria?
Sinto o que em pedaços vai levando,
Vai lavando em águas claras,
Em coisas raras,
Claro sol,
Dia de,
Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário